Resumo da história do prêmio Nobel (Trabalho Escolar)



Poucos sabem que Alfred Bernhard Nobel, rico empreendedor sueco nascido em 1833, fez uma imensa fortuna com a invenção da dinamite, a produção e o comércio internacional de armas. 

Nobel fez da  nitroglicerina um produto moldável, juntando-lhe vários compostos, até chegar à sua grande invenção: a dinamite, muito útil, então, em grandes construções como túneis e canais. A dinamite espalhou-se rapidamente pelo mundo, em virtude das suas potencialidades.  .

invento  multiplicou suas fábricas. Em 1875 era dono de centros produtores de dinamite em vários países da Europa e nos Estados Unidos. Continuando suas pesquisas inventou a balistite, uma pólvora, que logo foi usada em vários países para fins militares. 
Nobel acumulou grande fortuna com suas fábricas. Solitário, sem filhos e abalado com a utilização de seus inventos para fins bélicos. 

   Ele não queria ser lembrado na posteridade com o rei da dinamite  mais sim como patrono da ciência cultura e paz, portanto, em testamento, estipulou que toda sua herança de   31 milhões de coroas suecas  deveriam ser colados em um fundo usando os juros recebidos todos os anos   para homenagear realizações de destaque no campo da pesquisa.